[E] – 5 Características que Autores Publicados Têm em Comum

24.4.17

por Jerry Jenkins | traduzido por Leandro Zapata
Eu não sei por que você escreve. Eu tenho apenas uma ideia por que eu escrevo. A maioria das pessoas são talentosas em alguma área ou outra – elas têm uma habilidade nata por uma certa disciplina.
No risco de soar falsamente modesto, eu acredito que a mim foi dado apenas um talento e que ele se curva um pouquinho na direção de escritor. Isso não significa que eu era brilhante ou não precisei de muito treinamento e experiência. De fato, eu sou daqueles que acredita que ninguém nasce um escritor.


Eu sinto que, se não estou crescendo, estou estagnado. Além disso, eu me dediquei a ser um aprendiz durante a vida inteira.
Meu trabalho e meu estudo da escrita me levaram a concluir que há pelo menos cinco qualidades compartilhadas entre os escritores publicados de sucesso. Aqui está minha lista; e eu gostaria de ver a sua.

1. Um Amor pela leitura. Escritores são leitores. Bons escritores são bons leitores. Incríveis escritores são incríveis leitores. Leis tudo que puder sobre a arte de escrever, mas também leia tudo que puder sobre assuntos que te interessam.

2. Uma reverência por ouvir. Seja curioso. Escute mais do que fala. Você naturalmente escutará com cuidado a colegas e pessoas que você respeita dentro campo, mas também escute as pessoas de todas as caminhadas da vida e nível sócio-econômico. É de onde as ideias vêm.

3. Uma devoção ao aprendizado. Dedique-se a expandir seus conhecimentos todos os dias. Seja insaciável sobre a aprendizagem. Um dia sem aprender algo novo é um desperdício de 24 horas.

4. Uma impaciência com o status quo. Nunca acredite que você chegou. Se você não está crescendo e melhorando, você está ficando para trás.

5. Uma ética de trabalho feroz. A única maneira de escrever um livro é sentar numa cadeira. Você pode ir para conferências de escritores tantas vezes quanto quiser. Mas em algum momento, você precisa fazer o trabalho.

Enquanto eu tinha certa apreciação por alguns esportes, e algumas pessoas pensarem que eu sou estranhamente engraçado, escrever é meu único talento, então eu me sento atraído para exercitar esse talento. Eu não canto ou danço ou atuo – escrever é o que eu faço.
Alguns dizem que eles escrevem por eles “não podem não escrever”. Eu conheço o sentimento. Escritores como nós escreveriam de graça se tivéssemos que o fazer.
Já me perguntaram quando eu descobri que amava escrever. Eu nunca amei escrever propriamente falando. Escrever é muito esgotante para amar. O que eu realmente amo é ser um escritor, ser conhecido como escritor, e ter escrito.

Em qual dessas características você mais se encaixa? E qual você precisa trabalhar mais? Deixe nos comentários!
Fonte: http://www.jerryjenkins.com/why-write-2/

You Might Also Like

0 comments

Página Um Beijo