[E] - Sete desculpas ruins para parar de escrever seu livro – Pt.2

20.11.17

por Jerry Jenkins | tradução de Leandro Zapata
Este post é uma continuação deste.
2. Eu não quero ter todo esse trabalho apenas para falhar
A alternativa é não ter trabalho algum, o que é um atalho para falhar. Pense sobre isso. Esse é o único caminho garantido que não irá chegar aos olhos de uma editora, ter seu livro aceito, assinar um contrato ou conseguir um cheque com seu nome. Não escreva nunca.
Não desista. Tente. Eu não posso garantir seu sucesso, mas posso garantir que irá falhar se não tentar.

3. Eu tenho medo do sucesso
Ok, me perdoe, mas cale a boca. Eu já ouvi essa desculpa ridícula uma única vez, e foi demais. Sério, você tem medo do sucesso? Eu não estou falando isso para me gabar, mas eu fui fortunado o bastante de ser um escritor de sucesso insano, e deixe-me dizer: não há nada do que ter medo.
O fato é, 99% dos escritores não obtêm sucesso, então se está realmente com medo do que o sucesso pode significar para você, as chances estão contra você. Mas se por um acaso acontecer de ser um dos abençoados 1%, você irá descobrir que isso não significa uma mudança para você – apenas mostrará quem você é de verdade.
Se seus motivos são egoístas, se você irá deixar sua esposa, se você se sentirá culpado e recorrerá as drogas, então você irá – e de um jeito grande e caro.
Mas se seus motivos são altruístas, se você for generoso, se você dá valor a sua esposa e se importa com sua saúde e o bem-estar dos outros – isso ainda irá te caracterizar, apenas uma escala maior.

4. Eu não tenho tempo o bastante
Você tem as mesmas 168 horas semanais que todos têm. Claro, você pode sofrer de circunstâncias diferentes, enfrentar responsabilidades diferentes, e carregar obrigações que os outros não carregam. Mas eu acredito que você irá criar tempo para aquilo que realmente quer fazer. Note que eu não disse “encontrar” tempo. Eu disse “fazer” tempo. Arranque-o das suas 168 horas.
Muitos escritores apenas escrevem depois de:
- Organizarem e limparem tudo na casa.
- Comerem
- Corrigir todos os erros
- Atualizar-se no Facebook
- Quando querem
Se você acha que sua agenda irá magicamente abrir duas horas para escrever todos os dias, acorde. Examine seus compromissos e comece a arrancar. O que tem para sacrificar? Algumas séries e programas de TV favoritos? Filmes? Noites com amigos? Uma hora extra de sono toda noite?
Eu sempre programei meu tempo para escrever. Se você tem um livro e a mensagem em você, você terá que fazer o mesmo.

5. Isso é muito difícil
Se fosse fácil, qualquer um poderia fazer. Está dizendo que a ideia de escrever um livro te chicoteou antes mesmo de começar?
Claro que é difícil. Muitas coisas na vida são difíceis, e nós temos que nos permitir ser ruins nelas antes de chegarmos perto de sermos bons. Bebês engatinham antes de se apoiar; eles se apoiam antes de andar. E quando estão aprendendo a andar, eles caem.
O mesmo vale para andar de bicicleta, nadas, dançar, cozinhar, tornar-se carpinteiro, pintar e – imagino eu – tornar-se profissional em qualquer coisa.
Dê a si mesmo permissão para ser ruim no começo. Mas não desista por que parece muito difícil. Nem ao menos pense nisso.

6. Não é o que você sabe, e quem você conhece – e ninguém me conhece
Tenho uma resposta curta para essa: acredite ou não, houve uma época em que ninguém ouvira falar de Stephen King, John Grisham, Jodi Picoult ou J.K. Rowling.
O que fez os nomes deles? Suas escritas. Eles não desistiram. Não deixaram de lado. Você acha que eles nunca se perguntaram se alguém iria ler o que escreveram? Pode ter certeza que sim.
Eu agradeço que eles continuaram tentando, você não?

7. Ninguém se importa com o que tenho a dizer
Eu me importo. Se você leu até aqui, deve estar desesperado para escrever seu livro e vê-lo impresso um dia. Por quê? Porque você tem uma paixão. Você tem uma mensagem, uma história, algo para dizer. E isso me deixa curioso, por que eu também tenho uma.
Sua história é importante. Sua mensagem é importante. Até mesmo se você temer que alguma outra pessoa disse antes, sua versão – seu ponto de vista – é único. Se você não escrever, quem vai?
Então, o que está escrevendo? Quero saber nos comentários!

Fonte: https://www.jerryjenkins.com/7-really-bad-excuses-putting-off-writing-book/

You Might Also Like

0 comments

Página Um Beijo